O Poder Da Relação Entre Marketing, Publicidade E Propaganda

Muitas pessoas se confundem quando o tema é a diferença existente entre marketing, publicidade e propaganda. De fato, a utilização popular destes termos,  muitas vezes, se mistura.

faculdade de comunicação

Entretanto, os profissionais da comunicação (e não só eles) precisam compreender bem as diferenças existentes entre estas três formas de usar a comunicação para fins empresariais. Vejamos as diferenças existentes entre marketing, publicidade e propaganda.

Marketing: o nascimento dos planos

O marketing funciona como uma espécie de referência anterior a publicidade e a propaganda, nascendo em um período anterior aos outros. O marketing tem como foco o estabelecimento de planos para a comunicação que tenha valor para o consumidor de um produto ou o cliente de uma empresa, para agregar valor a essa pessoa jurídica (ou física, no caso de marketing pessoal) perante a sociedade como um todo.

O marketing funciona como uma atividade que busca o fortalecimento de uma pessoa jurídica/empresa ou até mesmo de uma pessoa física. Depende da situação e do cliente envolvido.

Publicidade e propaganda: ideia, ação e resultados

A publicidade, por sua vez, tem outras características. Relaciona-se a forma como a empresa em si ou determinados produtos querem ser vistos. É uma imagem, um conceito, uma ideia, que precisa ser transmitida para a pessoa, a população, enfim, o foco da comunicação a ser repassada, de maneira inteligente.

Por sua vez, a propaganda é uma atividade mais restrita, referindo-se a uma parcela da publicidade, com o objetivo de divulgar – normalmente com um custo – determinado conceito e o vincular a empresa. O foco é mexer com o consumidor, fazer com que ele se sinta estimulado a consumir produtos da empresa ou a absorver determinada ideia – é uma ação pública e com alto poder de persuasão.

A conexão sinérgica entre marketing, publicidade e propaganda

Embora não sejam exatamente as mesmas coisas, as atividades de marketing, propaganda e publicidade, se reunidas em um mesmo sentido, tem um potencial muito forte, para causar um impacto potente na sociedade como um todo.

Ações conectadas e integradas de marketing, publicidade e propaganda são muito fortes e potencializam a empresa para um outro patamar. Como ressaltamos, o marketing surge como uma espécie de planejamento, ou seja, o que se quer realizar, qual a imagem que a empresa pretende transmitir, de que forma, em quais veículos, com qual periodicidade, dentre outras questões.

Por sua vez, a propaganda é a materialização deste ato, é o resultado de um plano de marketing bem sucedido. E a publicidade, onde entra nisso? A publicidade usa exatamente os conceitos formulados nos planos de marketing, para transformar aquele plano em algo que possa ser bem consumido pelo cliente, aceito e estabelecido conforme os interesses da empresa.

Para tanto, é preciso ser criativo e desenvolver algo que possa ser compreendido e bem avaliado por um público alvo.

A importância decisiva para transformar a imagem de uma empresa

No fim das contas, a publicidade e a propaganda funcionam como mecanismos usados pelo marketing, para dar uma boa imagem a produtos, serviços, empresas e pessoas.

O marketing diz respeito a um planejamento, bem mais complexo, que precisa estar coordenado através de vários planos, na verdade. A propaganda e a publicidade entram a partir de um planejamento bem desenvolvido de marketing, com ações e atitudes bem definidas e com objetivos específicos, além de um público-alvo.

Independentemente da escolha, uma dica fundamental: conhecer o mercado

O profissional envolvido com marketing, publicidade e propaganda precisa conhecer o mercado. É fundamental, muito mais importante do que obter conhecimento técnico. Trata-se da regra mais importante e que vale para o marketing, a publicidade e a propaganda em si.

About the Author: Espalhando Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *